Em Destaque

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Em memória de Patrick Swayze (1952 - 2009)


Há um ano o ator Patrick Swayze (57) foi diagnosticado com um cancer. Esta desgraçada doença que mata milhares de pessoas ao redor do mundo.
Tablóides maldosos declaravam que o ator já estava morto, e outras, que ele só tinha apenas 6 meses de vida. O próprio Patrick teria declarado, ainda em 2008, na rede ABC à Barbara Walters, que só teria apenas 2 anos de vida (Eu diria que cinco anos seriam bem desejáveis. Dois anos parecem prováveis se você acredita nas estatísticas. Eu quero durar até que se descubra uma cura - Palavras do ator). O mesmo ficou muito chateado com o que se comentavam negativamente sobre sua saúde, e dizia que estava vivendo muito bem. Os médicos também declaravam que sua recuperação estava sendo um milagre. Infelizmente quando a doença se alastra ela fica extremamente difícil de reverter, foi o caso também de Farrah Fawcett, uma das panteras da série dos anos 70 e mostrou-se batalhadora até o fim dos dias, que nos deixou em 25 de julho, mas que não chegou a chamar tanta atenção por coincidir no mesmo dia da abalável notícia de que o rei do pop também nos deixou.

Grandes ídolos bastante queridos pelo público estão indo: primeiro o maior de todos, Michael Jackson, agora o Patrick Swayze. Definitivamente não está sendo um ano bom. Tudo o que devemos fazer é: rezar por nós, pelas nossas famílas e por todas as pessoas do mundo.

Mas não devemos nos desabar em tristezas, vamos relembrar os momentos da carreira de Patrick Swayze (que fez o que gosta até o dia de sua morte).
Em,1987 , Patrick aproveitou seus dotes reais de dançarino ao atuar em seu primeiro grande sucesso: Dirty Dancing - Rítimo Quente.
Em 1990, viveu o romântico Sam Wheat em Ghost – Do Outro Lado da Vida (um dos primeiros filmes que vi na vida). Coincidência ou não, o seu personagem morre na história. Vivendo como um fantasma, após ser asassinado, encarna no corpo da paranormal Oda Mae Brown (Whoopi Goldberg – Vencedora do Oscar de atriz coadjuvante) numa das famosas seqüências, para conversar com a sua amada Molly Jensen (Demi Moore).
Em 1993, foi dirigido por uma das futuras cônjujes de James Cameron (Avatar),Kathryn Bigelow , em Caçadores de Emoção, vivendo o vilão Bodhi, ao lado de Keanu Reeves.
Em 1995, Patrick quebrou a sua imagem de galã e foi além, interpretando uma divertida Drag Queen, Vida Boheme, em Para Wong Foo, Obrigada Por Tudo! Julie Newmar, ao lado de Wesley Snipes e John Leguizamo. O filme seguia a onda de comédias do estilo, como Priscila - A Rainha do Deserto (1994) e Birdcage - A Gaiola das Loucas (1996 - refilmagem do filme Italiano de 78).
Seu último trabalho foi neste ano com a série The Beast, exibido pelo canal pago AXN. Durou apenas uma temporada.


Patrick vivia há 34 anos casado com uma mesma mulher, Lisa Niemi, sua namorada na adolescência. Uma fidelidade rara em Hollywood.

3 Hit Combo :

Anônimo disse...

Meus Parabéns ficou muito boa sua pag.
se vcs quiserem ver o video q eu montei o linck tai
http://www.youtube.com/watch?v=uUTrIQPfNro&feature=channel_video_title

Mestre Ryu Kanzuki disse...

Anônimo: Essa cena é linda. Meus parabéns pelo vídeo, ficou muito bom, vou recomendar. Obrigado por postar e por prestar sua opinião. Fico satisfeito que gostou da nossa página. Volte sempre.

Mestre Ryu Kanzuki disse...

Anônimo: Essa cena é linda. Meus parabéns pelo vídeo, ficou muito bom, vou recomendar. Obrigado por postar e por prestar sua opinião. Fico satisfeito que gostou da nossa página. Volte sempre.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...