Vá de Sedex :: Siga pelo Email

sábado, 15 de fevereiro de 2014

[Sessão Crítica] Uma Aventura Lego - 3D Dublado

NESTA POSTAGEM 
SESSÃO CRÍTICA
UMA AVENTURA LEGO

SESSÃO CRÍTICA
UMA AVENTURA LEGO

MONTAGEM PERFEITA
Protagonista quase não cai em estereótipos comuns e a sua trajetória é muito bem montada (pra não dizer um pouco trágica antes de se tornar o herói)

O único problema de ir assistir a essa animação na segunda semana, após a estréia, foi o de ter que aturar a criançada barulhenta e que não parava no lugar. Mesmo assim, deu pra conferir o longa na paz, a maior parte do tempo. A primeira adaptação dos famosos brinquedos de montar atendeu as minhas expectativas e ainda trouxe certos elementos além do esperado. 

O ritmo frenético da animação não nos deixa entediados em nenhum segundo, justamente pelos diálogos espertos e muito bem sacados (com moldes justos na versão Brasileira) e a canção Tudo é Incrível (Adaptação de Everting is Awesome no original) é incrivelmente divertida. Há muito tempo não se via uma versão tão bem dublada de uma animação desde os tempos de ouro da Disney em seus longas 2D dos anos 90. E falando em Disney, mesmo sendo uma animação da Warner Bros. o longa tem peso de aventura família, cujo leve teor de violência nem chega perto das animações dos estúdios que trouxeram Mickey Mouse a vida - mas nem por isso deixa a essência da animação infantil (essas cenas que aparentemente deveriam ser sérias, são trocadas por uma paródia escrachada a certos clichês). 

Pra quem via aquelas propagandas antigas da década de 80, onde se via bonecos ganhando vida e combatendo vilões, este longa é um sonho realizado. Com um desenvolvimento incrivelmente inteligente, por vezes parece mais um comercial da mais ampla qualidade (sem querer mostrar que tem cara de comercial) e nos convence mais do que qualquer outra chamada legítima nos intervalos da TV. Eu mesmo me vi tentado a comprar um lego depois de assistir a esse filme, passei em uma Ri Happy - onde vi uma coleção The Lone Ranger, do filme O Cavaleiro Solitário (2013), o único título que me interessou (aguardo com ansiedade a coleção dos Simpsons). 

Um novo Toy Story melhor do que foi Detona Ralph, não caindo na mesmice deste último longa em questão da Disney (ao desenvolver elementos morais - não se torna óbvio nem mesmo no romance), entre tantas animações em 3D que apenas buscam agradar mais ao público pequenino e isolam o público adulto. Se você sabe que foi criança um dia e sente saudades, Uma Aventura Lego poderá te fazer muito bem. 
Personagens famosos também surgem, parodiados sem perder a sua identidade

O formato 3D tem os seus caprichos em relação a perspectiva (objetos sendo lançados pela tela, uma das cenas nos faz até piscar os olhos), vale o ingresso pra quem tiver condições de assistir neste formato. Também vale citar a impecável edição da animação, favorecendo bastante o corte para os momentos de humor. 

Momento Pós-Sessão Crítica
Eu ainda consegui encontrar dois amigos de faculdade, logo após a sessão, perambulando ao ar livre do UCI Norte Shopping. Mas a coisa mais curiosa foi buscar informações sobre o filme no Google e encontrar na busca que a lista de cinemas do site está apresentando o longa (desde a sua estréia) como gênero Sertanejo (alguém me explica o que seria isso?)

FICHA TÉCNICA
Título Original: The Lego Movie
Montagem: 7 de Fevereiro
Sessão Acompanhada: 16:40 - UCI Norte Shopping - O 15 - 15/02/2014 (Sábado)
País: E.U.A.
Duração: 100 Minutos
Gênero: Aventura (Animação)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...